Você está aqui Home » Multimedia » Elefantes Bay - Afinal de que se fala?

Elefantes Bay - Afinal de que se fala?

print
email

Aproveitando aquilo que a Natureza criou – luz, rochedos, areia e mar –, edifica-se uma vila turística de referência

Lojas, casino, restaurantes, bares e discotecas. Condomínios residenciais. Um resort em frente à praia. Uma marina com capacidade para 400 barcos. E um campo de golfe. Tudo isto tem um único nome: Elefantes Bay. Benguela volta a estar na linha da frente das apostas turísticas.

Sob a assinatura da Lucitur, empresa nacional de Gestão e Administração de Empreendimentos Turísticos, o projecto foi apresentado esta quarta-feira, no Centro de Convenções de Talatona, e contou com a presença do Ministro da Hotelaria e Turismo do Governo de Angola, Pedro Mutindi. São cerca de mil hectares, no coração de Benguela, a chamada Baía dos Elefantes, que representarão um investimento global de 2.636 milhões de dólares e dinamizarão a criação de emprego e a promoção do turismo na província.

De acordo com um comunicado remetido ao VerAngola, o projecto irá criar de raiz um empreendimento imobiliário vocacionado para o turismo com as características próprias de uma vila urbana. Será composto por um núcleo central com espaços comerciais e de lazer (lojas, casino, cineteatro, supermercado, restaurantes, bares e discotecas), um aparthotel e um hotel em frente à praia. Apartamentos de várias tipologias e dimensões, bem como moradias completam o núcleo urbano central em termos de oferta residencial.

O empreendimento tem projectado, ainda, vários condomínios de moradias, um resort em frente à praia, uma marina para 400 barcos de recreio com moradias com acesso directo às embarcações, hotel e apartamentos com vista para o mar. Está igualmente projectado um campo de golfe de 18 buracos com Club House e área de treino.

Toda a periferia do projecto é envolta por uma cintura verde, uma vastíssima área de terreno, que abrange parte do rico vale da Equimina e abraça a totalidade da Baía dos Elefantes, onde se pretende proteger a flora existente e reintroduzir a fauna autóctone.

De acordo com o Presidente do Conselho de Administração da Lucitur, Manuel João “o projecto da Baía dos Elefantes constitui um polo turístico relevante na geografia do país, com impacto significativo em termos sociais e macroeconómicos, que permitirá aumentar a oferta hoteleira existente e a respectiva qualificação dos trabalhadores, assim como estimular a procura turística e criar condições para a captação de investimento estrangeiro. Acima de tudo, o projecto tem a capacidade de além de criar riqueza para a região e para o país, melhorar e apoiar a população actualmente residente na Baía dos Elefantes, que desde o primeiro dia do projecto, há já quatro anos, tem tido oportunidades de emprego e a possibilidade de melhorar as suas condições de vida. No futuro, a Lucitur prevê a construção de um bairro para os moradores locais com escola, Igreja, posto de saúde e campo de jogos”.



 

 

Segue-nos no Facebook

Cesto Encomendas

Cesto está vazio
Cesto está vazio
http://destinobenguela.com/inner.php/ajax
D4 - Hoteisangola
Module login can be displayed only 1 time!
Copyright © Destinobenguela.com 2017 - All Rights Reserved.